Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

APELO A PASSOS COELHO

 

O Dr. Passos Coelho tem cometido alguns erros sem importância de maior. O pior deles é fazer das contas a razão primeira para avançar, ou não, com a moção de censura.

Que credibilidade merece esta gente em matéria de contas? Zero.

Montaram o seu poder, duas vezes já, sobre uma interminável série de mentiras. Chegaram ao coração dos eleitores dizendo que a Dona Manuela era uma besta porque queria endireitar as contas. Cilindraram-na com essa. Depois, inventaram um grave problema de contas com um orçamento imaginário, falso como Judas, com a cumplicidade dos camaradas Constâncio e Sampaio. Apregoaram aos quatro ventos que tinham reduzido um défice que jamais tinha sido registado, tendo-o na verdade aumentado, e não pouco. Depois, mercê de coisas que não valerá a pena referir, lá o fizeram descer um bocadinho. Berraram que nem uns leões que tal redução era “estrutural”, ou seja, para ficar, o que constituiu duas monumentais mentiras: nem a redução era estrutural, nem era para ficar, como se veio a demonstrar à saciedade. No ano passado, aldrabaram as contas vezes sem conta, enganaram-se, esqueceram-se de umas linhas, de uns quadros, de uns números, levaram o país à bancarrota, isto sempre a apregoar que estávamos no melhor dos mundos.

 

Agora, para o assombro e a indignação do IRRITADO, o Dr. Passos Coelho dá-lhes o benefício da dúvida! Se as contas, em fins de Março, estiverem dentro do previsto, tudo bem, diz o PSD. Então o Dr. Passos Coelho não sabe, como todos nós, que, se as contas estiverem bem é porque foram aldrabadas? Não sabe que nada do que esta gente diz tem a mais leve sombra de credibilidade. Não vê que, para o senhor Pinto de Sousa vale tudo, tirar olhos, partir pernas, esganar! Não repara que o senhor Pinto de Sousa, quando não tem com que o atacar, inventa o que for preciso? Não vê, por exemplo, que o Pinto de Sousa inventou que você queria despedir funcionários públicos (se fosse verdade o IRRITADO até acharia muito bem), coisa que você nunca disse. Não vê que o homem é o maior aldrabão de todas as três repúblicas?

Dar-lhe o benefício da dúvida, achar que as contas, daqui a dois meses, podem estar certas, é um erro clamoroso. Se as contas desta gente nunca estiveram certas, por que carga de água tal poderiam acertá-las agora?

Acabe com isso já, Dr. Passos Coelho! Diga-lhes que, quando achar que é o momento certo os porá na rua sem dó nem piedade. Não lhes dê mais conversa. A nós, diga que partilha da vergonha que temos por ser governados por um badaleiro ranhoso, ignorante e aldrabão. Diga-nos da “consideração” que, lá fora, todos têm por ele. Mostre-nos a insuportável indignidade que é estarmos debaixo de gente tão rasca!

 

Se não for v. a tentar livrar-nos do homem o mais depressa possível (já devia tê-lo feito há muito, muito tempo), quem o poderá fazer? O Jerónimo?

 

9.2.11

 

António Borges de Carvalho

Comentar:

CorretorEmoji

Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.

O autor

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D