Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

APONTAMENTOS

 

- COSTA PINTO, melíflua criatura com lugar cativo na SIC Notícias, veio dar-nos enorme dose de descanso ao comentar, científicamente, o livro do professor Cavaco. Diz ele que, para avaliar da verdade do que o homem escreve sobre o Pinto de Sousa (dito engenheiro Sócrates), imprescindível será esperar pela resposta do mesmo, em livro que não deixará de publicar.  E que, perante um Cavaco “hirto” e “conspirativo”, há que perceber que o PS  jamais teve, ou tem, qualquer  “máquina de conspiração”. Atente-se no amor à verdade do Costa Pinto: primeiro, sabe que Cavaco mente, e espera pela “verdade” a publicar por Sócrates; segundo, sabe que o dito vai escrever (ou mandar escrever) um livro; terceiro, sabe que o PS não conspira, ainda menos o Sócrates. Um comentador independente e sériíssimo. Um indiscutível amor à verdade

- MARCELO declarou que o assunto das mentiras do Centeno, do Costa e dele próprio estava “encerrado, ponto parágrafo”. Quando ainda subsistiam algumas regras na língua portuguesa (Marcelo é desse tempo), havia vários pontos: o simples ponto pausa no texto, mais forte que o ponto e vírgula ou o dois pontos; o ponto parágrafo, que anunciava haver um prágrafo seguinte; e o ponto final, que anunciava o fim do escrito. Quando Marcelo aplica o tal ponto parágrafo, das duas uma, ou quer dizer que o caso acabou e, nesse caso, teve um assomo de impróprio analfabetismo gramatical, ou acha que o texto vai continuar no parágrafo que segue. Por outras palavras, ou se enganou, ou aldrabou.

- ADEUS AO PISA é o que anuncia o chamado governo. Explico. Há tempos, um amigo meu, professor catedrático de matemática, anunciava-me ter sido convocado para umas reuniões no ministério, destinadas a acordar numa redução de 25% no ensino de tal matéria, no secundário. O homem estava indignado. Tinha percebido que o que queriam dele era que coonestasse uma decisão que já estava tomada, o que é de uma indignidade a toda a prova. Ontem, anunciavam os jornais que a redução estava em curso, e que o tempo livre assim obtido, seria ocupado por matérias destinadas a lavar, “civicamente”, o cérebro à rapaziada: substituir a matemática por ideologia geringôncica. Pisar o PISA. Ou então, é só mais uma manifestação de inteligência do rapazola a quem chamam ministro da educação.

- NÚMEROS BALOFOS

Alguns números , conforme os vi sublinhados por Daniel Bessa:

Crescimento: em 2016, 1,4%; em 2015, 1,6%; no orçamento, 1,8%; no documento dos sábios do Centeno, 2,4%.

Consumo do Estado: no orçamento, -0,4%; na execução, 1%.

Exportações: previsto, 5,9%; real, 3,7%.

Investimento: previsto,  7,8%; real, -1%.  

No parecer de quem diz governar: que interessa isto, se o défice talvez venha a ficar em 2,1% do PIB, à custa de expedientes, de escolas a cair, de saúde de rastos, de dívida a grande velocidade? Nada.

Tome nota, para memória futura.

 

19.2.17

4 comentários

Comentar post

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D