Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

DO PREÇO DA BICA

 

Parece que as miúdas já estão a encolher as unhas. Segundo o que se tem sabido, afinal as pensões, os salários, a sobretaxa, etc. já perderam a urgência e passaram a intenção para o futuro. Até o salário mínimo é para aumentar, talvez, mas só lá para 2016. Um lugarzinho no governo é óptimo para amenizar as tendências revolucionárias e os tão proclamados desejos das raparigas. Ainda não se sabe como vai actuar o PC, mas parece que não irá muito fora do esquema. As pequenas, essas vão ter muito com que se consolar, embora para isso não fosse preciso nenhum acordo, isto é, as "questôes fracturantes", tanto ao gosto das delas, vão passar todas: os homos vão adoptar criancinhas à vara larga, as pretendentes ao aborto, perdão, IVG, vão ter as borlas e os subsídios que a actividade bem merece, a médio prazo será definitivamente abolida a família tradicional, os cães vão passar a ter cartão do cidadão, quem disser que um preto é preto ou que um branco é branco irá parar à cadeia, o multiculturalismo será generosamente subsidiado desde que seja "progressista", etc. Já não é pouco.

 

Uma coisa há que, de tão estúpida, vai merecer a esmagadora aprovação da mesnada da esquerda e do CDS: a redução do IVA da restauração. Que me desculpem os "restauradores" a classificação de estúpida com que brindo tal e tão "social" medida. Quem anda por aí vê nascer bares, restaurantes, tascas et alia por todos os cantos, aos pontapés, mais que em qualquer outro país europeu. Se fosse um sector em crise por causa do IVA, alguém abriria mais portas? Nem pensar. Bem pelo contrário, a "restauração" deve ser uma das mais "dinâmicas" actividades da nossa praça. Quando se deu o aumento do IVA para 23% houve algum aumento dos preços ao consumidor? Nenhum. O que se passou foi que a restauração absorveu calmamente o tal aumento, sem prejuízo do seu evidente progresso. Com a descida do IVA acontecerá o mesmo: o sector vai continuar a mexer mas os preços ficarão na mesma, ou seja, a totalidade do "desconto" será absorvida pelos "restauradores", não pela sociedade.

 

Mais uns milhões para alargar o buraco do Estado, e será tudo. Cá estamos para pagar, não é? Como diria um famoso filósofo cá do sítio, aguentamos tudo. Até aguentamos mais esta "gota de água". A bica, essa, firme como uma rocha, continuará a 65 ou 70 cêntimos.  

 

2.11.15

  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D