Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

DO PRINCÍPIO DE PETER

Durante largo tempo, o senhor Rui Rio gozou de merecido prestígio. Fez frente ao todo poderoso Pinto da Costa, ganhou eleições, parece que foi um autarca de valia lá no Porto. Chapeau!

O que se seguiu é a prova provada da justeza do Princípio de Peter. O homem não se deu bem com a “peluda” e deu mostras de insuspeitada mediocridade, isto é, ainda que confesso e insinuado candidato a outros voos, passou a uma triste pequenês: não passa de provinciano regionalista/bairrista, a ombrear com essoutra personagem do mesmo calibre, o seu camarário sucessor, notando-se em favor deste o facto de não parecer ter pretensões a passar da chinela.

Agora, Rui Rio permite-se colocar-se lado a lado com a coligação do chamado governo e insinuar críticas aos seus, ao mesmo tempo que, convencido do seu “valor”, recusa olimpicamente discutir ideias no local próprio, isto é, no congresso do PSD. Deve, considerar que, cá por fora, pode fazer melhor “carreira”. Mais uma insuspeitada característica: a cobardia oportunista.

Não está só nas insinuações. Outros espreitam, preferindo ratar a ajudar. Mas são mais frontais, pequena honra lhes seja.

Entretanto, o Costa vai rindo e, de sociedade com o homem dos “afectos”, dia sim dia sim, de cortina de fuma em cortina de fumo, vai entretendo o pagode. Os “rios” da nossa praça contribuem, em vez de denunciar a tempestade que aí vem. É a nacional “descrispação”.

 

Por aqui, devo dizer que não há descrispação nenhuma.

 

31.3.16

2 comentários

Comentar post

O autor

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D