Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

VENDER E COMPRAR

Ainda não assentou o pó do congresso e já o senhor Rio veio à liça defender a sua miserabunda posição em relação às “piadas” de que foi “vítima”.

(Antes de mais, ressalve-se que vítimas somos nós, portugueses, por ter, com direito a galarim mediático, gente tão baixinha como este murídeo.)

O dito não perde tempo. Escreve hoje que ficou ofendido por Santana Lopes ter dito que ele achava que podia “ofuscar” o congresso. Não! Rio nunca disse isso, que ideia, o que disse foi que, se lá fosse, se “arriscava a ser figura central”. Estão a ver a diferença? Que modéstia. Agora diz mais, que não foi a Espinho “para não perturbar”. Mais ainda, que se considera um “fantasma que aterroriza os outros”. Estão a ver a humildade? A categoria moral do pacóvio? O que pode a circunstância de, se calhar, ter percebido que não presta para mais nada? No paroxismo da inveja e dos maus sentimentos, mima-nos com esta: (Passos Coelho) “foi o mais votado, não o vencedor”. A baixeza de sentimentos chega ao pondo de achar que, em democracia, perde quem tem mais votos.  

Mais grave que a petulância palerma e bacoca desta desgraça em forma de gente é a propaganda acéfala que por aí grassa na desinformação geral, coisa que, em Portugal, se chama “comunicação social”. Vale mais o fait divers que a substância das coisas.

Uma olhadela à “informação” de hoje é disso prova. É feita de bocas e boquinhas, de disse-que –disse, de intriguinhas, de episódios menores, de tricas e triquinhas. As parangonas, e não só, dedicam-se a tudo menos ao que interessa. O que interessa, no plano político, social, nacional, é a doutrina adoptada, as ideias, o conteúdo do discurso final do chefe político do partido, as bases do seu pensamento, o que o distingue do social-comunismo-radicalismo no poder, o que se pode dele esperar ou não esperar. Goste-se ou não se goste (isso fica para quem comenta ou opina), informar seria fazer o compte rendu – propriamente jornalístico, propriamente informativo – do muito que foi dito (ideias princípios, caminhos, intenções, prospectivas...) pelo líder no encerramento do congresso. Foi mau? Foi bom? Que se deixasse o julgamento às pessoas, não através de episódios mas sobre o que, de substancial, foi afirmado. Que as pessoas ficassem a saber o que podem esperar ou não esperar, não o que de passou de “social”, de lateral, de anedótico, mas do que, fundamentalmente, foi afirmado.

Deu-se mais direito de cidade a quem não vai mandar e que, com direito a tal, se manifesta (os que lá foram, os homens, não os ratos - rios, leites, pachecos...) do que a quem fica com a s responsabilidades do futuro.

 

Em resumo, para a “informação” o que interessa é o que vende. Pobre de quem compra.

 

4.4.16

15 comentários

Comentar post

O autor

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D