Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

PIADÉTICOS E ORDINÁRIOS

 

Conheci o camarada Lello há para aí uns vinte anos. Era um rapazola simpático, farta cabeleira negra, provinciano q.b., deslumbrado com Lisboa e com a Europa.
Pouco ou nada tinha dentro da cabeça. Mas dizia umas graças e tornava-se querido por isso. Não chateava e, por vezes, conseguia fazer rir.
Perdi-o de vista, mas segui-lhe a carreira pelos jornais. O camarada Lello depressa se transformou num aparatchik de primeira, com lugar cativo nas listas do PS. Continuou a dizer graças e a ter presença nos jornais por causa delas. Chegou a ministro, ou secretário de estado, já não sei, no tempo do guterrismo. Como tal nada disse com graça, ninguém deu pela sua presença ou pela sua “obra” no governo. Nem ninguém mais se lembrou dele.
Mas ele lá estava, sempre sempre com o poder, ou seja, com quem estivesse na mó de cima do socialismo nacional.
Chegou, imagine-se, a presidente da Assembleia Parlamentar da OTAN! Já se sabia que a OTAN anda um bocado por baixo, mas tanto, não.
O mandato acabou-se, e aí está ele, sempre na brecha, sempre com o chefe, sempre com quem está por cima.
 
O problema é que parece ter perdido a arte da graçola, dedicando-se à vulgaridade e à ordinarice que, se calhar, são o que lhe vai na alma. Elogia as cavalidades do Vital, os insultos do Vital, as escarretas do Vital e do Portas Miguel. Tanto, que até critica a camarada Maria de Belém, que teve o imperdoável deslize (imperdoável para o carroceirismo lelo-vitalista) de elogiar o comportamento liso e sério do PSD no que respeita ao caso BPN. Facto este que contrasta brutalmente com o miserável manobrismo do PS no que aos casos BdP, Eurojust, Freeport, UNI, CMCovilhã, Heron, etc. diz respeito.
 
Espera-se que o eleitorado saiba fazer este tipo de distinções.
 
1.6.09  
 
António Borges de Carvalho

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

O autor

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2006
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub