Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

UM CACHO DE CRAQUES

 

SARAMAGO
Sua Excelência o “nosso” prémio Nobel, com a boa educação que lhe é tão própria, declarou em Itália que o respectivo primeiro-ministro, senhor Berlusconi, “é o fascismo de gravata Armani”. Lindo, não é? O mais interessante é que estas nobres declarações foram produzidas durante o lançamento de um livro qualquer, editado por uma empresa propriedade do senhor… Berlusconi.
Por conseguinte, das duas uma: ou o senhor Berlusconi não é fascista nenhum e não censura os seus autores, sejam eles primariamente comunistas como o senhor Saramago, ou o senhor Saramago é conivente com o fascismo, com o qual contrata e do qual recebe largas massas.
 
ADEUS PINHEIRO
Há tipos com uma lata estanhada. Então não é que este truta dá com os pés ao parlamento para que tinha sido eleito como cabeça de lista, em manifesto desrespeito pelas Instituições, em miserável galegada em relação à dona Manuela, em estrondoso desprezo pelos eleitores, em escarreta na cara dos tipos que o aceitaram, de pára-quedas, lá em Braga, em revelação de ignominiosa “altura” moral? Vistas as coisas pelo lado do rapaz, perdidas as eleições já não podia ser vice-primeiro-ministro, nem ministro de estado, nem presidente da assembleia, nem nada. Então queriam dar-lhe funções de simples deputado? A um homem com o seu brilhante currículo? Não queriam mais nada?
 
SAMPAIO
Rezam as crónicas que o primeiro cidadão a pedir a vacina contra a gripe dos porcos foi o senhor Jorge Sampaio. É que, alega o homem, há “razões institucionais” para estar na lista dos privilegiados com direito a vacina, para além de ser “sabido” que tem “problemas cardíacos há vários anos”. Quanto às “razões institucionais”, não se vislumbra outra que não seja o facto de ser funcionário das Nações Unidas, o que apontaria para que fosse pedir a vacina ao patrão, o senhor Banquimune. Quanto aos sofrimentos de coração, se ainda, respeitavelmente, os tem, ou estão na lista ou não estão. Facto é que, se tornam mais perigosa a gripe dos porcos, que dizer das longas e frequentes viagens do senhor por longes terras de desvairadas civilizações onde, não poucas vezes, um cardiologista à altura é como agulha em palheiro?
Talvez aquilo de dar golpes de estado também faça mal ao coração, o que não seria de todo injusto.
 
MEDVEDEV
Aqui há tempos, um ministro nipónico apresentou-se ao respeitável público com uma bebedeira nos queixos que faria inveja à Amy Whinehouse. O homem foi prontamente corrido. A ver vamos o que acontece ao Medvedev. Se calhar, nada. Ora vejam:
 

 

 

 

 

 

E ainda há quem diga que o Berlusconi e o Sarkozy não são uns gajos porreiros!

 

 

 

 

18.10.09

 

António Borges de Carvalho

 

4 comentários

Comentar post

O autor

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2006
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub