Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

NÃO PAGAMOS!

 

Aqui há uns anos, os brilhantes estudantes da Nação organizaram inúmeras manifestações contra as propinas. Não pagamos, era o slogan, cantado e gritado pelas ruas fora. Sabe-se no que a coisa deu.

 

O slogan volta agora à baila por causa dos malefícios que o senhor Cravinho causou ao país quando andou para aí a convencer o pessoal que as auto estradas, para alguns, eram de borla. O desenvolvimento ia ser de tal monta que ia haver dinheiro a rodos para as pagar.

Não houve desenvolvimento nenhum. Nem há dinheiro para pagar auto-estrada nenhuma.

Daí que, aborrecidos com o facto de passar a ser iguais aos outros, os utentes das auto-estradas “à borla” renovam o “não pagamos”, fazem associações cívicas destinadas ao nobre efeito, desdobram-se em iniciativas de protesto. Não pagamos!

O governo, em mais uma das suas habituais manifestações de inteligência, apesar de haver pelo país fora um sistema de cobrança a funcionar a contento, resolve complicar as coisas arranjando um novo, de tal maneira bem concebido que nem quem o inventou o conseguia pô-lo a funcionar. Um ano depois do prazo que a si próprio estabeleceu, o governo começa a cobrar.

 

Os aborrecidos, munidos de pareceres de distintas luminárias da nossa arena, protestam, que se trata de regiões deprimidas, que as alternativas não prestam, que que que.

Ninguém explica a esta malta que alternativas são as auto-estradas, que fazer nelas um percurso a 120 à hora com poucas curvas e pouco trânsito, as mais das vezes é muito mais barato do que era andar às voltas pelas serras acima e pelas serras abaixo. Bem merece ser pago. Quem não queira pagar, tem boa solução: não usar a alternativa, que é a auto-estrada, e meter-se ao caminho como sempre fez.

 

Mas a “indignação popular”, dantes conhecida por vandalismo, tem os seus caminhos. Vai daí, sedenta de justiça, desata a queimar as portagens, a incendiar pneus, etc.

O distinto porta-voz e representante das associações “cívicas” apressara-se a declarar que “compreende perfeitamente” e que até acha que os autores destas e “de outras” coisas o género podem estar descansados quanto à “compreensão” das “comissões de utentes”. Estão antecipadamente “compreendidos”. Podem fazer o que lhes vier à cabeça.

 

Assim vai o civismo - ou o cinismo - nacional. Uns cometem crimes de sabotagem, de poluição, de perturbação de serviços e vários outros “de perigo comum” e de outras naturezas. Outros, incitam a que mais crimes se cometam.

Tudo se passa como se o Código Penal não existisse, a procuradoria da República fosse uma miragem, a polícia andasse a dormir. Que é o que se passa.

 

Postas as coisas na opinião dos vândalos e de quem os incita ao vandalismo, trata-se de legítimas manifestações de pobres injustiçados, condenados a pagar o que o Cravinho tinha dito que era de borla. Em vez de agradecer aos demais o tempo em que lhes andaram a pagar as portagens, e os anos em que continuarão a pagá-las, em vez de se solidarizar, não senhor, partem a loiça e são uns heróis.

 

Algo me diz que essa coisa do estado de direito à portuguesa tem que ser revista.     

 

30.12.10

 

António Borges de Carvalho

4 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Expoliado da seita do Rato 31.12.2010

    Od bandos que refere terão algo a ver com o bando que fez a arruaça na ponte Salazar, contra o PM Cavaco Silva?
    Quem seriam os mentores desse bando liderado por traficantes de droga?
    Tenho pena que o sr tecelão não visite as portagens para lhe meter um pneu a arder pelo cu acima!
  • Sem imagem de perfil

    daniel tecelao 31.12.2010

    Estou nessa,se você me emprestar o seu cu,que certamente estará mais treinado a intrusões!!!
  • Sem imagem de perfil

    Raticida 01.01.2011

    Para que queres mais um cu?
    Já tens dois, o maior deles em cima do pescoço!
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    O autor

    foto do autor

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Arquivo

    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2021
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2020
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2019
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2018
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2017
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2016
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2015
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2014
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2013
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2012
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2011
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2010
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2009
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2008
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D
    196. 2007
    197. J
    198. F
    199. M
    200. A
    201. M
    202. J
    203. J
    204. A
    205. S
    206. O
    207. N
    208. D
    209. 2006
    210. J
    211. F
    212. M
    213. A
    214. M
    215. J
    216. J
    217. A
    218. S
    219. O
    220. N
    221. D
    Em destaque no SAPO Blogs
    pub