Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

UMA VERGONHA

 

Para quem ainda tenha dúvidas sobre o que motiva o formidável “escândalo” nacional das fugas de informação dos serviços secretos para a Ongoing, que vem ocupando os media – sempre diligentes com qualquer intrigalhada – os jornais de hoje, sem o dizer, trazem a explicação.

 

A Impresa, dona da SIC, do Expresso e de mais uma data de coisas,

a) teve, nos primeiros seis meses de 2011, um prejuízo de 32 milhões de euros;

b) a Impresa e a Ongoing andam de candeias às avessas, entre outras coisas por causa da eventual privatização da RTP.

 

Como o IRRITADO disse um dia destes, toda a história das informações que “terá havido” não passa de uma gigantesca manobra de contra-informação movida e pilotada pelo jornal da Impresa para dar cabo da Ongoing, ou para a descredibilizar e prejudicar. Mete-se pelos olhos dentro. Tudo, mas tudo o que tem sido publicado não significa outra coisa, para quem quiser ler, senão a confirmação desta “tese”.

 

Quem achar que o IRRITADO está a malhar em ferro frio fica desde já informado que não senhor, não se trata de uma repetição do que já disse.

O tema é outro.

Como muita gente neste país, o IRRITADO costuma assistir à “Quadratura do Círculo”, um programa da SIC Notícias (Impresa) onde se defrontam três altas personalidades da opinião nacional: Pacheco Pereira, António Costa e Lobo Xavier.

Presume-se que as respectivas emissões de opinião sejam pagas, e bem pagas, pela Impresa. Vivemos, no entanto, na certeza de estar perante opiniões desinibidas, ainda que muitas vezes antagónicas e politicamente interessadas, o que nada tem de mal, antes pelo contrário.

Desta vez, porém, o interesse era outro. Os três altos opinantes teceram as mais catastróficas considerações sobre o caso, a segurança da República, o segredo de Estado, as competências e responsabilidades dos “espiões”, as formas de controlar os serviços de informação, etc., altas matérias. Sobre o fundo da questão, nem uma palavra. Pudera! O fundo da questão tinha a ver com quem lhes paga!

Hoje, finalmente, o Doutor Maltez, também na SIC Notícias, pôs muitos pontos em muitos is. Que tudo não passa de contra-informação, que se está a fazer uma tempestade num copo de água, etc. Notável. Só que, quando chegou a altura da pôr o dedo na ferida, o homem referiu a Maçonaria, a Igreja Católica, o Opus Dei, e por aí se ficou. Sabe tão bem como quem tem olhos para ver que estas entidades, se tiverem a ver com o assunto (terão?) será de forma indirecta.

O Expresso, convertido em tablóide, e dos piores (é o que tem dado a "gerência" do Costa, Ricardo), nem sequer mereceu referência ao Doutor Maltez. Porquê? Terá medo? Medo de quê? Isso é o que ele devia explicar, mas não explica.

Porquê? A resposta fica à vossa imaginação, ao vosso bom senso e à vossa sagacidade.

 

Uma última observação. Segundo os jornais, o “espião”, com o aval do primeiro-ministro Pinto de Sousa, “terá dado” informações à Ongoing sobre uns russos que andavam para aí a querer fazer negócios. O IRRITADO, como é sabido, não tem por hábito dar razão, seja a que título for, ao senhor Pinto de Sousa. Neste caso, porém, se é verdade o que vem nos jornais, o senhor Pinto de Sousa fez muitíssimo bem em mandar dar as tais informações à tal empresa.

 

29.7.11

 

António Borges de Carvalho

3 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Filipe Bastos 31.07.2011

    Também já me interroguei: quando o Irritado não responde - quando escolhe não responder aos comentários que recebe - será porque concorda com eles, e não tem muito a acrescentar, ou será porque não sabe o que responder, ou simplesmente não tem tempo/atenção/pachorra para lhes responder?

    Tendo em conta os constantes "devaneios líricos" do Irritado, como lhes chama, e que na prática justificam este blog, e a nossa presença aqui, tendo a pensar que é um misto de tudo isto.

    O Irritado não está para nos aturar, tem lá a vida e as prioridades dele, vai postando o que lhe dá na real gana, e quem quiser que aceite isso, quem não quiser, que não venha. Não faz cá falta.

    Continua a ser um dos melhores blogs independentes sobre política, e o Irritado é sem dúvida uma pessoa lúcida e inteligente, que sabe escrever. É só por isso que aqui volto. Não é certamente pelas respostas dele, que são geralmente evasivas, paternalistas, e até pífias.

    Ao contrário do ManuelB - para mim, o Miguel Esteves Cardoso deste blog - o Irritado é muito melhor a postar, do que a responder.

    Espero ter ajudado, XX/XXI.
  • Sem imagem de perfil

    XXI 31.07.2011

    Ajudou.
    Só não entendo: XX/XXI.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    O autor

    foto do autor

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Arquivo

    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2021
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2020
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2019
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2018
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2017
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2016
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2015
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2014
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2013
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2012
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2011
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2010
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2009
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2008
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D
    196. 2007
    197. J
    198. F
    199. M
    200. A
    201. M
    202. J
    203. J
    204. A
    205. S
    206. O
    207. N
    208. D
    209. 2006
    210. J
    211. F
    212. M
    213. A
    214. M
    215. J
    216. J
    217. A
    218. S
    219. O
    220. N
    221. D
    Em destaque no SAPO Blogs
    pub