Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

POBRES DE NÓS

 

Com uma mão cheia de nada outra de coisa nenhuma, o camarada Seguro resolveu arranjar uma moção de censura, ao que dizem destinada a consagrar oficialmente a recusa do PS a seja que iniciativa for que possa manter o chamado consenso.

A moção não era para passar, como é evidente. Então para que era?

Duas evidentes intenções animavam a vazia criatura. Primeiro, a de dar uns rebuçados ao exército interno que, dado o borrego do Costa, perdeu a prImeira batalha para a derrubar. Segundo, empurrar o país para a uma crise política de tal ordem que o PS visse aberto o caminho do regresso ao poder.

As consequências, que qualquer analfabruto podia prever, foram de um patriotismo a toda a prova: queda abrupta da bolsa, perda de credibilidade internacional do país (não do governo), dificuldades ou até impossibilidade de consolidar o regresso aos mercados há pouco ensaiado com sucesso, subida dos juros (estas já aconteceram), monumental recuo do ajustamento financeiro, reforço do desemprego, perda de competitividade, etc., consequências que não deixarão de se verificar a curto prazo.


Na última fila, a ala socrélfia esfregava-se de contente nas poltronas. Cá à frente, a zurricada repetia à exaustão as cassetes que toda a gente já ouviu milhares de vezes.

A moção teve o êxito que merecia: chumbou, mas serviu para que as pessoas, cansadas do ultra-partidarismo do PS, ficassem a pensar que, pior que o que já têm, só com o PS a mandar. Nesse aspecto, foi útil. O pior é o que nos vai acontecer por causa dela.

Tudo isto para recreação de um político oco e de um partido que é, politicamente, um malfeitor encartado, gente que nada é capaz de ver fora dos seus interesses pessoais e partidários e que usa a democracia para trepar seja de que maneira for e à custa do que for.


Pobres de nós.   

 

4.4.13

 

António Borges de  Carvalho

O autor

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D