Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

O DIA DOS COSTAS


O Costa mais novo, aquele do “Expresso”, fez uma conta que o IRRITADO há muito desejaria ter feito e, por pura preguiça, não fez.

É ela demonstrativa das razões que assistem à esquerda em geral e ao Soares em particular, quando afirmam que o PR é uma marionete nas mãos do governo, que protege o seu partido em vez de se dedicar ao respeito da Constituição (na interpretação anti patriótica que lhe tem sido dada pelo TC, é claro) e que, por cristalina consequência, devia demitir-se.

Tal conta é estatisticamente demonstrativa da forma partidária e ilegítima como o PR, na boca do batalhão soaristo-socrapífio, tem desempenhado o seu cargo.

Assim:

O Doutor Cavaco,até hoje, já vetou politicamente 18 leis da AR e 3 do governo. E mais 12 por inconstitucionalidade. Fez 16 pedidos de fiscalização preventiva ao TC. E 4 de fiscalização sucessiva.

O IRRITADO agradece as contas ao Costa mais novo, contas que vêm fundamentar a opinião do IRRITADO acerca da forma como Cavaco Silva encara o seu papel. O estranho estatuto do PR leva, historicamente, a levá-lo a afirmar-se como político, coisa para a qual não tem competência, aliás como diz a vaca sagrada que se chama Constituição.por outras palavras, a tal Constituição, como prolixa manta de retalhos que sempre foi, é usada por cada um segundo os critérios que, de momento, estão a dar. Se exceptuarmos o facto de o PR não ter ido na conversa idiota das eleições antecipadas, assim defendendo o lado democrático da Constituição, ninguém minimamente honesto poderá dizer que anda a “proteger “ o governo.

Cavaco tem-lhe , pelo contrário, feito a vida negra, como provam os números acima.

O resto é conversa de politiquês ordinário e oportunista e de gente que não quer, porque acha que lhe convém – não ao país – dar cabo do homem seja como for, só porque ele venceu, com os votos do eleitorado, o Soares, o Alegre e mais uma série de “pretendentes” que percebem muito bem que foram emprateleirados mas, “democraticamente”, não conseguem engolir a sua miseranda situação. Ao ponto de se terem tornado apóstolos da violência e da paulada.         

Quanto ao “apoio” de Cavaco a este governo, os tipos sabem que é mentira mas, para eles a democracia acaba quando não estão no poder.

Cavaco, nesta matéria, é igual aos outros. Faz o que é preciso para ir deitando a cabecinha de fora, contra o governo, a favor do governo, o que estiver a dar.

 

24.11.13

 

António Borges de Carvalho

1 comentário

Comentar post

O autor

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2006
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub