Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

DA RESSURREIÇÃO DA ALIANÇA MFA/PC

O jornal Observador, tido por centro direita, moderado, credível, etc., presenteia-nos hoje, sabe-se lá porquê, com vasta entrevista da dona Catarina, incontestada chefe das taradas do BE.

O programa da organização preconiza a nacionalização da banca, dos CTT, da EDP, da ANA e de mais não sei quantas empresas de grande importância económica. O MFA, na sua versão bolchevista, é assim ressuscitado com todos os matadores. Se se fizesse o que a mulher defende, o Estado entrava em bancarrota de um dia para o outro. A não ser, é claro, que seguisse o “pensamento” do MFA, isto é, não pagasse um chavo e simplesmente roubasse as empresas aos seus proprietários, como fez a distinta assembleia daquela organização. Com as consequências que, ainda hoje, estão na base da pobreza da Nação. A destruição de valor conseguida pelo MFA/PC/UDP foi de tal forma gigantesca que nunca mais houve dinheiro que se visse em Portugal. Mas é o que querem as doidas e os seus serventes. Com uma agravante: a doida-mor, com falinhas mansas, acha que se trata de um “programa sobial-democrata”. A mulher é doida, mas não é estúpida. Sabe o que é a social democracia, sabe que o programa é bolchevista, mas chama-lhe social-democrata, isto é, pensa que a cavalgada de estupidificação das massas, em boa parte já levada a cabo pelo PS, chegou à fase das grandes realizações. A paranoia populista do BE ultrapassa todas as versões do populismo de direita que andam por aí neste mundo sem rumo.

Há mais. O tal programa “social-democrata” cria 500.000 casas para o povo, com rendas entre os 100 e os 500 euros, a fazer inveja à dona Helena Roseta e a outros salvadores da “habitação”. É claro que, neste caso, a tal Catarina tem uma “solução”. Quem paga? Não é o Estado, são os cidadãos que ainda falta arruinar. Mais umas leis Mortágua, umas expropriações e outras martingalas da ordem. Com a invitável consequência garantida: a machadada final na classe média, a “igualdade” conseguida via pauperização de toda a gente.

E há ainda mais. Vale a pena ler umas coisas do tal programa, verdadeiro tratado de loucura, aldrabice, populismo e comunismo primário, de que nem o PC se lembraria. Ou seja, não vale a pena, a não ser que queira ficar aterrorizado, que é o que o BE quer.

 

3.9.19

3 comentários

Comentar post

O autor

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2006
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub