Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

FOSQUINHAS


Saudemos com o devido entusiasmo o novo critério, inventado por um contratado da rapariga que, via jornal que, sendo privado, se chama “Publico” (ó Belmiro, andas a dormir ou quê?), atribuiu a si própria a nobre missão de fazer a propaganda intelectual da esquerda em geral e do PS em particular: o critério das fosquinhas.
Passo a pormenorizar. O senhor Costa – o do BdP, não o outro – conforme descrito pela tal rapariga, exibe, por “linguagem corporal“, uma “forte incongruência”, que faz com que não exista “clareza nenhuma na informação que proferiu”. Que informação, não se sabe, sabe-se é que a directora do órgão oficioso da nacional-esquerdofilia adopta a opinião do linguocorporaltologista cuja contratação deve fazer parte da luta contra o desemprego a desencadear pelo outro Costa (o do Rato). A partir de tal e tão certeira opinião, conclui que o senhor Costa (Carlos) faz “trejeitos e caretas” que o tornam responsável por inenarráveis malefícios e o condenam a desmerecimento da renovação do mandato.
A criatura garante que “93% do que comunicamos não é por palavras, mas por gestos e pequenas expressões do rosto”. Consequência, um tipo que faz “trejeitos e caretas” jamais deveria ser reconduzido no BdP.
Hemos de convir que, por determinação do “Público”, daqui em diante o critério de escolha se vai simplificar. Quando o Costa António arreganhar a beiçola, aí teremos o PM ideal; quando o Lelo rir alarvemente, aí estará um fantástico ministro do vinho e da vinha; quando o Santos Silva arregalar as lentes, não, não será repugnante e intragável, mas angelical, o mais apto para ministro da propaganda; quando o Silveira ajeitar as onduladas melenas, aí estará o futuro chefe da condição feminina. E assim por diante. Se o Passos aparecer em calções na Mantarrota, que horror, como é que um tipo destes tem pretensões políticas; se o Cavaco coçar a ponta do nariz provará a sua visceral incompetência; se o Portas aparecer de boné, eis o último dos inadequados.

 
Estão a ver? Quem tem dúvidas em quem votar tem a vida simplificada: o melhor arreganhamento da taxa será o escolhido. A menor fosquinha será condenada. Pelo menos na opinião da fulana do “Público”, opinião a respeitar e a seguir, como não pode deixar de ser, com 93% de certeza.    
Voltando às doutas palavras da tal rapariga, fiquem os meus amigos avisados: o alvo não é, evidentemente, o Costa Carlos. É o PM, que o renomeou. Não interessa que tenha sido, primeiro, nomeado pelo governo dos senhores Pinto de Sousa e Costa António. Esses tinham toda a razão. Passos é que não. Não interessa que um banquinho, o BPN, tenha custado, via PS e via Constâncio (um luminar!), pelo menos oito mil milhões - fora o resto -, nem pensar! Foi só peanuts. Se um bancão, o BES, custar um décimo, aí sim, teremos uma demonstração evidente do desprezo do Costa Carlos e do PM pelo dinheiro dos contribuintes!


Estas tão cristalinas opiniões são, com certeza, fruto de jeitos e trejeitos, fosquinhas que não concitam o agrado da chefe do “Público”. Faça o PM o que fizer, ai dele se a “linguagem corporal” não for do agrado da megera!    

 

25.5.15

 

 

O autor

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2011
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2010
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2009
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2008
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2007
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2006
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub