Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

HISTÓRIA DE NATAL

 

  1. A dupla Costa/Medina andou dois anos a sacar à nobre gente de Lisboa uma taxa aldrabona, ilegal e inconstitucional .
  2. Rebentada a bronca via Tribunal Constitucional, o Merdina (passe a justa expressão) declarou que ia devolver o produto do esbulho.
  3. O tipo sabe quem pagou, quanto pagou cada um, quanto deve de juros, está tudo nos arquivos, é só carregar no botão.
  4. Mas... se você quiser receber o seu precioso dinheirinho, ponha-se a pau. As coisas são mais complicadex do que você julga.
  5. O Medina, generosamente, vai abrir dois balcões, um virtual, outro nem por isso. Você terá que requerer ao Presidente da CML que faça o extraordinário favor de lhe pagar o que deve.
  6. Dirige-se ao tal balcão, não ao virtual, que lhe exige registo, palavra passe, cópia do BI/CC, certidão de nascimento com todos os temperos, certidão da conservatória, certificado energético e mais uns papelinhos, como é de uso e bom costume. Tudo coisas que estão nos computadores públicos, mas que os preciosos simplex e simplis obrigam a apresentar em papel para tudo e mais alguma coisa.
  7. Você volta para para casa, leva três dias a juntar a papelada, e volta ao balcão.
  8. A prima do Medina, filiada no PS, que o atende, examina cuidadosamente os papéis. Se tiver sorte de estar tudo de acordo com o exigido, a fulana diz: prova de pagamento!
  9. Você volta para casa, com o coração a regurgitar de amor pelo Medina. Vai à gaveta onde guarda as suas desgraças, e procura afanosamente os recibos de dois anos na pasta do IRS. Se tiver a sorte de os encontrar, volta ao balcão e, se tiver ainda mais sorte, espera só duas horas, até que uma amiga da prima do Medina, filiada no BE, chama: senha 824!
  10. Apresentados os documentos, ela diz: muito bem, agora faça favor de preencher o indispensável requerimento (a Câmara fornece a minuta gratuitamente!), com a relação exaustiva de todos os anexos e o indispensável pedido de deferimento; depois, vai ao notário reconhecer a assinatura, e volta para entregar o processo. Este será devidamente apreciado por uma ajudante do senhor vereador Jeremias Pincel e, se houver lugar a despacho favorável, os serviços financeiros agirão em conformidade e, no prazo de três meses prorrogável sine die, receberá um cheque da CML referente a cada pagamento comprovadamente efectuado.
  11. Você volta para casa, de alma pura, consciência tranquila e acendrado amor ao Medina. E fica à espera. Não se esqueça que, como diz o ditado,quem espera sempre alcança.

 

Muito a sério, haverá que perguntar porque é que a CML, que tem todos os elementos necessários para saber quem, como, quando e quanto as pessoas pagaram, só lhe devolve o seu dinheiro a requerimento, entregue em balcão especializado.

É o esplendor do simplex/simplis, da luta socialista contra a burocracia ou, simplesmente, uma forma de não pagar a quem se esquece de requerer e a quem não cede à papelada, de atrasar as devoluções, de enganar as pessoas outra vez? De tudo ao mesmo tempo, é o mais certo.

 

Mas acalme-se. Vem aí um novo ano repleto de esperança e de afecto.

 

26.12.17

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

O autor

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D