Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

“INCONSEGUIMENTO” CASTRENSE

 

Desta vez a senhora da Assembleia portou-se à altura. Mandou bugiar o Vasco Lourenço e a sua boiada.

 

Que gente, afinal, é esta, que ameaça paulada, que faz exigências bacocas, que é primitiva e rasca e ignorante, que anseia por poder sem eleições, que não quer sair de cena, que se quer sentir dona do país, referência da democracia, consciência nacional, que põe pela ruas da amargura a dignidade que possa haver no 25 e que, apesar da sua radical estupidez, ainda há, reduzindo-a ao ridículo, gente possuída pela sanha de querer ser mais que os outros, de querer tutelar o regime, de exigir direitos que não tem, nem merece, nem têm cabimento, de pôr de lado o que de melhor terá feito (entregar o poder ao povo por via eleitoral)? Que gente é esta?

 

Porque não se metem num partido, ou não fazem um partido para pôr as suas “ideias” à disposição dos eleitores? Porque querem que as pessoas pensem que, afinal, fizeram o 25 para cavalgar a democracia, ou que o que queriam era só mais dinheiro, sobretudo o dinheiro que os milicianos, que faziam a guerra por eles, ganhavam e que, muito mais do que eles, se batiam, mesmo quando nada tinham a ver com a ditadura?

Porque convertem o 25 numa miserável questão corporativa, ainda por cima de uma parte restrita da corporação que dizem representar?

 

Estas perguntas, no entanto, não são reflexo dos principais problemas.

Problema é que haja quem se reveja nesta saloiada.

Problema é que os media dêem a estes ignaros direitos de destaque, em vez de os remeter ao caixote do lixo a que escolheram pertencer.

Problema é que, das Forças Armadas da democracia, a que ainda há quem se honre de pertencer, não venha reacção que se veja e que dê ânimo a quem ainda acha que o 25 deve ser comemorado.

 

A dona Presidente disse que “o problema é deles” e, por uma vez, disse bem: pô-los nos varais.

Mas o problema também é nosso, e esse é que é o verdadeiro problema.

 

11.4.14

 

António Borges de Carvalho     

13 comentários

Comentar post

O autor

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D