Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

irritado (blog de António Borges de Carvalho).

O SOCIALISMO É A FILOSOFIA DO FRACASSO, A CRENÇA NA IGNORÂNCIA, A PREGAÇÃO DA INVEJA. SEU DEFEITO INERENTE É A DISTRIBUIÇÃO IGUALITÁRIA DA MISÉRIA. Winston Churchill

VAI SER BONITO

 

O conto (do vigário?) sobre a entrada da Santa Casa no capital do Montepio foi ontem enriquecido com mais um acontecimento verdadeiramente extraordinário. O actual provedor declarou que iria injectar uma ou duas dezenas de milhar de euros no capital da tremelicante organização.

Assim que tomou posse, este valente burocrata declarou que a entrada no Montepio seria de uns 200 milhões. Que aconteceu para descer a oferta de 200 milhões para 20 mil, ou coisa do género? Nada, que se saiba ao certo. O que se sabe é que a primeira oferta equivaleria, nas palavras do homem, a 10% do capital. Desde logo, uma série de especialistas desatou aos gritos: por maior boa vontade que se usasse, o mais que tais 10% valeriam seria uns 80 milhões. Os cálculos têm vindo a ser revistos em baixa, ou baixíssima. A célebre auditoria mandada fazer por Santana Lopes, ou não foi feita, ou foi metida nalguma gaveta. Nestas coisas, a chamada transparência costuma ser opaca.

Uma conta marota leva-nos a uma interessante conclusão. Se 10% do Montepio valiam 200  milhões para o ilustre Provedor, o Montepio valeria 2.000 milhões. Se passaram a veler 20 mil, então o Montepio vale 200 mil! Chega para comprar um Tê zero na Brandoa. Ou seja, o Montepio não vale um caracol.

Em alternativa, vale alguma coisinha e, nesse caso, os 20 mil da Santa Casa são peanuts. Ou pura troça.

O chamado governo anda há que tempos calado como um rato. Deve andar a calcular quantas centenas de mihões nos vai sacar para salvar a organização, tradicionalmente objecto de gestão socialista/maçónica com alguns geringonços à mistura.

Vai ser bonito.

 

15.5.18      

1 comentário

Comentar post

O autor

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D